Desejo Sexual – Como aumentar o desejo de forma totalmente natural?

A diminuição do desejo sexual pode acontecer com qualquer um. O desejo sexual diminui, as preocupações e problemas no relacionamento aumentam, você se sente mais estressado e ansioso e o problema acaba virando uma bola de neve.

Apesar de ser um problema comum, a falta de desejo sexual pode ser frustrante, especialmente quando se tenta descobrir como ganhar aquele apetite sexual de volta. É importante ter em mente que ter um desejo sexual baixo não precisa ser necessariamente um problema, mas saiba que existem algumas maneiras de melhorar sua vida sexual de forma totalmente natural, ou seja, sem prejudicar a saúde.

Conheça as formas de melhorar o desejo sexual:

1- Fale sobre sexo

Comunicação em geral é difícil e comunicação sobre sexo é mais difícil ainda. As pessoas têm dificuldade em dizer o que gostam como gostam e quando gostam, mas seu parceiro (a) nunca irá saber a menos que você diga! 

Perguntas como “Porque as pessoas fazem sexo?”, “porque param de fazer sexo?”, por exemplo, podem ajudar seu parceiro a entender melhor o que você pensa e do que gosta na cama. E não se esqueça: conversar abertamente é sempre a melhor solução para resolver os problemas a dois. 

2- Utilize estimulantes sexuais naturais em cápsulas

Os estimulantes sexuais naturais, principalmente aqueles em cápsulas, é uma boa opção, pois tem um ótimo custo benefício e assim você poderá ingerir as quantidades necessárias de vitaminas e sais minerais que o seu corpo precisa diariamente. Esse tipo de tratamento estimula seu próprio organismo a produzir os hormônios sexuais, assim não prejudica a saúde e regula a produção dos hormônios sexuais.

Procure por estimulantes sexuais naturais que contém zinco, vitamina D e niacina (vitamina B3) em sua formulação. 

3- Consuma alimentos afrodisíacos diariamente

Alimentos afrodisíacos são aqueles que são ricos em vitaminas e sais minerais, são alimentos nutritivos ou que podem ajudar a criar um clima sensual. Conheça alguns desses alimentos e como eles ajudam a aumentar o desejo sexual.

Ostras

As ostras têm sido associadas com o aumento do desejo sexual desde a Roma Antiga, existem muitas histórias por trás desse alimento e a ligação entre as ostras e o aumento da libido provavelmente tem um pouco de verdade. 

Um estudo de 2016 publicado no jornal Scientific Reports mostrou que ostras são ricas em zinco, um sal mineral essencial para o funcionamento do sistema reprodutivo masculino, esse fruto do mar, assim como outros moluscos, contém aminoácidos que podem ajudar a aumentar apetite sexual e a testosterona nos homens. 

Além disso, as ostras são um alimento “sensual”, portanto é interessante consumi-la antes das relações sexuais.

Pó da raiz da maca

Diversos estudos ligaram a maca, uma planta de origem peruana, ao aumento da libido. Um estudo de 2008 relatou que a raiz pode ajudar a aumentar o desejo sexual e minimizar os efeitos colaterais que os antidepressivos podem trazer. A maca foi também relacionada ao aumento da produção e saúde dos espermatozoides em ratos.

O ingrediente mágico da maca peruana pode ser a arginina, um aminoácido que foi ligado ao aumento dos níveis de testosterona, o hormônio que promove a libido tanto em homens quanto em mulheres. 

Apesar de esse pó trazer muitos benefícios para a vida sexual, não exagere. Apenas três gramas é o suficiente para ver resultados, e sua superdosagem pode ter o efeito contrário.

Salmão

Pesquisas têm ligado a vitamina D ao alto nível de testosterona e diminuição dos sintomas da depressão. Outros estudos também relataram que baixos níveis de vitamina D reduzem o desejo e satisfação sexual, assim como dificulta o orgasmo.

Apesar do debate sobre o quanto de vitamina D o ser humano realmente precisa, fazer o uso de suplementos é uma boa idéia. Além disso, o salmão também é rico em Ômega 3, uma gordura saudável que melhora a circulação sanguínea. 

Gengibre

Diversos estudos relataram que o gengibre pode melhorar o desempenho de aumentar o desejo sexual em homens. Estudos comprovaram que o gengibre aumenta a sensibilidade e estimula as áreas genitais de ratos. 

Mas os benefícios do gengibre não param por aí. Essa raiz pode também ter uma forte ligação com a melhora das dores musculares e cólicas menstruais, diminui os riscos de doenças do coração, diabetes e obesidade.

Melancia

A fruta favorita do verão é cheia de nutrientes e antioxidantes que relaxam os vasos sanguíneos de forma similar ao Viagra, e os estudiosos que realizaram esses estudos descrevem que o efeito de relaxamento pode também aumentar o desejo sexual em mulheres.

Grão de Bico

O grão de bico é rico em vitamina B6, o que é fundamental para uma vida sexual saudável e esse alimento pode aumentar a libido. O grão de bico pode também regular a produção de testosterona e dopamina, o hormônio responsável pela sensação de prazer e bem estar, especialmente durante o contato sexual.  

Chocolate Amargo

O chocolate amargo contém componentes que aumentam a produção dos hormônios do prazer e bem estar. Combine essa sobremesa com frutas ricas em aminoácidos como os pêssegos. 

Pistaches

Pistaches são ricos em gorduras saudáveis que podem melhor a circulação sanguínea e auxilia no tratamento da disfunção erétil. 

Bananas 

As bananas são ricas em potássio, o que promove uma pressão sanguínea saudável e músculos fortes. O potássio pode também ajudar a reduzir cãibras, um problema comum na cama. 

Abacates

Abacates são ricos em ômega 3 e vitamina E, um nutriente essencial para a produção hormonal e resposta sexual. Apenas um terço de um abacate por dia é o suficiente para consumir em média 20 vitaminas e minerais que promovem a saúde geral do corpo.

Ovos

Os ovos tem sido um símbolo de fertilidade em diversas culturas ao redor do mundo. Dois ovos grandes contêm cerca de 10 gramas de proteína de ótima qualidade e mais de 13 nutrientes essenciais que dão energia e ajuda a regular a produção dos hormônios sexuais. 

Beterraba e Folhas Verdes Escuras

Para ver uma melhora no fluxo sanguíneo, é importante adicionar a dieta beterraba e folhas verdes escuras, como a rúcula e couve por exemplo. Esses alimentos dilatam as artérias e ajudam que o sangue corra livremente pelo corpo.

Amêndoas 

As amêndoas contêm gorduras saudáveis e proteínas, que são nutrientes que dão energia ao corpo. Uma excelente fonte de magnésio e vitamina E, as amêndoas são um antioxidante que promove uma melhor circulação do sangue e previne o entupimento das veias e artérias, é essencial ter um bom fluxo sanguíneo para que haja ereção, lubrificação e sensibilidade. O magnésio também ajuda a regular a pressão sanguínea uma vez que a pressão alta é uma causa comum da disfunção erétil

Ginseng Coreano

O Ginseng vermelho, ou Ginseng coreano como também é conhecido, é menos comum que o Ginseng “branco”, e contém componentes com propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias. Pesquisas também ligaram o Ginseng coreano ao aumento do desejo sexual de mulheres, especialmente aqueles que se encontram na menopausa. 

Porém, o ginseng vermelho deve ser usado com cautela e por pouco tempo, pois seu uso contínuo pode levar a dores de cabeça intensa, problemas de digestão e problemas na pressão sanguínea. 

Veganos e vegetarianos têm mais desejo sexual do que aqueles que comem carnes

Em 2018, James Cameron produziu um documentário intitulado “The Game Chancers”, onde foi revelado que veganos tem mais desejo sexual do que quem come carne, principalmente a carne vermelha.

Isso se dá, pois pessoas que seguem essa filosofia se alimentam melhor, e comem mais alimentos que melhoram a circulação não apenas do cérebro, mas de outras partes do corpo também é uma dieta vegana pode fazer isso. Alimentos como pimenta, chocolate amargo, frutas, folhas verdes escuras, sementes de girassol e beterrabas, por exemplo, são alimentos que melhoram a circulação.

Uma dieta balanceada, rica em frutas e vegetais faz com que a pessoa se torne menos propensa a precisar de certas medicações que podem reduzir o desejo e desempenho sexual. Esse tipo de dieta também pode desentupir as artérias e vasos sanguíneos das gorduras, melhorando a circulação, ajudando assim no aumento do desejo sexual.

Plantas são ricas em zinco e vitaminas do complexo B, que podem aumentar o desejo sexual. Bananas, grão de bico e abacates são ótimos alimentos para isso. Se tornar vegano pode também aumentar os níveis de serotonina, o que não só aumenta o desejo sexual, mas também aumenta a felicidade e sensação de prazer. Os níveis de serotonina estão diretamente ligados ao nível de ocitocina, o “hormônio do amor” que cria um forte sentimento de intimidade e afeição.

One thought on “Desejo Sexual – Como aumentar o desejo de forma totalmente natural?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *